Esch-Alzette, Luxemburgo : Oliver Tarson entrevista os Tokio Hotel

0 Flares 0 Flares ×

Bill: Nós estamos extremamente nervosos. Quer dizer, estamos sempre muito nervosos e isso não diminui. Eu acho que simplesmente faz parte. Claro, sempre um está nervoso andando pelo palco enquanto o outro está de pé e então começamos a relaxar relativamente rápido e então apenas nos divertimos. No entanto, tenho de dizer que antes ficamos muito nervosos.

Bill: Desta vez, a grande diferença é que temos o nosso próprio palco conosco. Bem, sim, esta é basicamente a diferença. Se alguém usa o palco do local, como o do lugar, então, naturalmente, guardar-se mais dinheiro por não se ter que transportar as coisas para lá e para cá. E desta vez temos o nosso próprio palco conosco. Por isso, é tudo um pouco mais complicado.

Bill: Olhando para trás, quando eu era ainda muito jovem com sete, oito anos, eu estava nos concertos da Nena na chuva enquanto eu a esperava. Definitivamente.

Tom: Durante a última fase da nossa produção do álbum – que demorou quase um ano – Georg e eu passamos duas semanas, na casa de Jessica Alba com uma barraca e nos instalamos. Nah, ela não deu um show. Ela também não abriu a porta, erm, então, portanto, não foi um sucesso, mas essas são apenas as pequenas coisas que você consegue fazer.

Bill: Sobretudo Tom e eu também não conheçemos nenhuma maneira diferente, certo? Crescemos assim. Temos causado ódio em pessoas mais velhas, mesmo quando ainda éramos muito jovens. Portanto … Isso também é uma daquelas coisas que gostamos e não é tãp ruim para nós, pois é preciso também dizer que nós não estaríamos onde estamos agora, se não tivéssemos os antis. Então, por isso … Na verdade, estamos muito gratos.

Bill: Normalmente as pessoas nos odeiam, ou apenas gostam de alguma coisa me particular, então raramente há algo intermediário … Bem, Tom e eu crescemos assim. Quero dizer, mesmo se nós não fizemos nada sobre música. Tudo o que tínhamos a fazer era entrar no ônibus escolar, e o mesmo acontecia. Portanto, erm … Isso é realmente algo que estamos plenamente acostumados.

Bill: Boa pergunta! Como você ainda pode ganhar dinheiro sendo um músico hoje?! É difícil, eu tenho que dizer.
Tom: Na verdade nós tivemos um problema semelhante, porque, erm, é claro que gastamos dinheiro para apresentar a turnê … certamente não vamos ganhar todo o dinheiro que gastamos com a turnê e nem com o CD , é cada vez menos o tempo todo.
Bill: Então, o Georg tem que se prostituir todos os dias. (Risos) Andando pelas ruas também.
Georg: O Bill é o meu melhor cliente, a propósito.
Bill: Exatamente. (Risos)

Bill: Eu acho que realmente é uma merda, especialmente para os recém-chegados. Quer dizer, para obter um contrato de gravação, e ainda obter um grande êxito como artista, nestes tempos. Penso que se torna cada vez mais difícil porque as pessoas não investem mais nada, é claro. Bem, quando eu olho para a nossa própria gravadora de merda, então …
Tom: (risos) Sim, exatamente.
Bill: … Podemos … sabemos sobre isso.

Bill: Claro que podemos falar sobre os últimos cinco anos, especialmente, quando você dá uma olhada da indústria fonográfica e, em seguida, erm,há definitivamente, muitas, muitas pessoas velhas sentadas em frente ao seu escritório chorando nas gravadoras. Quer dizer, isso é ir abaixo. Realmente tem sido fácil acompanhar o assunto durante os últimos cinco anos.
Tom: Receberam Platina na Alemanha, faz 10 anos? Foi, provavelmente, com, como, dois milhões de discos vendidos ou algo assim?
Bill: Provavelmente, sim.
Tom: Eu acho que a platina está agora em 200 mil, certo? Ou algo assim.

Tom: Nós também cometemos um erro … O que significa “cometer um erro? Eu provavelmente sempre faria a mesma coisa várias vezes. De alguma forma, nós nunca fizemos coisas como, erm, alguns contratos de publicidade ou algo assim, como, onde disse: “Bem, vamos lá. Vamos fazê-lo apenas para que possamos fazer algum dinheiro de alguma forma.” ou “Vamos lançar um pirulito do Tokio Hotel “. Ou algo assim. Nós realmente sempre tivemos cuidado … Sim, poderíamos, assim, aprovar tudo. E, na verdade nós realmente nos focamos mais em nossas turnês, nos nossos álbuns, e na realidade tudo além disso poderia ser esquecido.

Bill: O que nós queremos …? Definitivamente quero ir para a Ásia. Nós …
Tom: Que as pessoas comprem discos e que aq indústria da música prospere novamente. (Risos)
Bill: Exatamente. Queremos menos downloads ilegais no mundo inteiro.

Bill: Hey, nós somos os Tokio Hotel e tivemos uma entrevista com Oliver e foi …
Georg e Tom: Bem … bem … suportável.
Bill: Foi super, excelente, fantástica.

Fonte X
POSTED BY: GRY KAULITZ

21.04 Berlim, Alemanha

22.04 Berlim, Alemanha

27.04 Moscou, Rússia

00.00 ---

__________________________________________
(+) VEJA TODOS OS SHOWS DA TURNÊ