MTV.com.tw: Entrevista exclusiva com o Tokio Hotel

MTV.com.tw: Entrevista exclusiva com o Tokio Hotel

0 Flares 0 Flares ×

No passado mês de Maio, os Tokio Hotel vieram à Malásia para dar um pequeno concerto e três meses depois voltaram para o MTV World Stage Live in Malaysia 2010, o que fez com que os fãs locais ficassem completamente entusiasmados, e também outros fãs asiáticos viajaram para ver os seus tão queridos ídolos! E, desta vez, a MTV Taiwan foi o única mídia de Taiwan a fazer uma entrevista aos Tokio Hotel. Os alemães não se deram muito bem com a diferença de temperatura dentro e fora aqui nos nossos países tropicais. Já na sala de imprensa, o Bill disse imediatamente que estava muito frio e perguntou, curiosamente, se as pessoas aqui na Malásia não apanham muitas vezes constipações. Com o seu charme fascinante que está a conquistar todo o mundo e a sua gentileza para agradar às pessoas, os Tokio Hotel responderam a todas as perguntas e partilharam o seu mundo interior com os fãs da MTV Taiwan.

Como segunda visita à Malásia, o que é que vocês trazem de especial desta vez para os vossos fãs?
Bill: Estamos muito ansiosos pela atuação e preparamos algo original para o palco e trouxemos a nossa Humanoid City, que vai resultar numa fantástica experiência!

Vocês já puderam estar com os outros artistas que vão atuar no MTV World Stage Malaysia?
Tom: Estive com a Katy Perry pouco tempo, cerca de 30 segundos.

Vocês têm estado numa promoção mundial e devem ter sido questionados várias vezes porque é que se chama Tokio Hotel. Como é que se sentem ao responder sempre à mesma monótona pergunta? Será que isso já vos quis levar a mudar o nome da banda?
Bill: Exato! Essa foi exatamente a primeira pergunta que nos colocaram na conferência de imprensa hoje. Para nós é sempre bom quando vamos a um novo lugar para promoção, damos muito valor a essas oportunidades, mas esperaríamos que os jornalistas nos colocassem perguntas diferentes, deixando as pessoas conhecerem-nos um pouco mais. Quando essa pergunta me chega aos ouvidos fico um pouco triste, será que não têm outras perguntas para nos colocarem?
Tom: Não pensamos em arranjar outro nome, teríamos de voltar a essa rotina de novo!

Há algum amuleto que vocês levam para o palco?
Bill: Eu trago o meu próprio microfone porque acho repugnante partilhar com todos os outros.
Georg: Eu uso sempre o meu cinto.

Alguma vez algum fã tentou roubar o cinto do Georg?
Tom: Nunca!

O polvo Paul tornou-se muito famoso recentemente na Alemanha, se o Paul previsse alguma coisa sobre vocês, o que é que gostariam que fosse?
Bill: Whoa, essa é uma pergunta difícil. Não sei… Talvez que os Tokio Hotel fossem a Tóquio. Estamos a planejar lá ir este ano e gostaria de saber se o Paul também prevê isso.

O que é que pensam do Paul e vocês têm alguma superstição?
Bill: Ao início achei muita piada ao Paul, ele adivinhava sempre as coisas. Acho-o muito misterioso. Eu próprio acredito em muitos mistérios, por exemplo, acredito em extraterrestres, acho impossível sermos os únicos seres vivos neste Universo.

Acreditam na existência de vampiros?
Bill: Talvez noutros planetas.

Imaginem que extraterrestres chegavam à terra e fossem a um concerto dos Tokio Hotel. O que é que eles diriam?
Tom: Fantástico!
Bill: Gostaríamos de atuar noutros planetas em frente a um público de extraterrestres.
Tom: Nós gostaríamos de ser a primeira banda a atuar no espaço, na Lua ou em Marte.

Vocês estão a tornar-se cada vez mais bem sucedidos internacionalmente, os próximos álbuns vão ser gravados ambos em Alemão e Inglês?
Bill: Ainda não temos certeza. Fazer álbuns em Inglês foi ideia nossa porque queríamos que mais fãs compreendessem as nossas músicas.
Tom: De qualquer forma, fazer isso significa gastar mais tempo a fazer um álbum. Todas as músicas têm de ser gravadas duas vezes. Se fizessemos 50 músicas, teríamos de fazer 100.
Bill: Exatamente. E temos de fazer duas versões das letras das músicas.

Vocês também escrevem as letras diretamente em Inglês?
Bill: Sim, de vez em quanto há outras pessoas que nos dão uma pequena ajuda.
Tom&Bill: De certa forma, este álbum é diferente. O último álbum teve uma primeira versão em Alemão e só depois tentamos traduzir as músicas uma a uma. Desta vez fizemos as duas coisas ao mesmo tempo, a versão Alemã ao mesmo tempo que a versão Inglesa. Para nós, isto foi um desafio e custou-nos muito trabalho e tempo.

Podem partilhar conosco as vossas experiências de agora serem internacionais?
Bill: Muitas pessoas podem pensar que foi fácil, mas no início foi difícil. Nós pagamos a nossa primeira visita a França e ninguém sabia quem nós éramos lá e ninguém queria entrevistas com uma banda da Alemanha, apenas podíamos dar entrevistas para pequenas imprensas. O começo foi muito árduo.

Qual é o vosso próximo plano ou vontade?
Tom: Para além da turnê mundial, é a nossa viagem para o espaço para tocar para os extraterrestres.

Vocês são admirados e têm um número incrível de fãs na Alemanha, como é que vocês protegem as vossas vidas privadas?
Bill: Para o Tom e para mim é muito difícil. A qualquer altura há paparazzi ou fãs à porta de nossa casa, daí termos colocado cercas e seguranças. Posso até dizer que temos muita pouca vida privada.
Georg: Agora comparando comigo e com o Gustav e comigo, temos um pouco mais de privacidade, nós tentamos não chamar à atenção quando, por exemplo, vamos a um espectáculo. Mas para o Bill e o Tom é muito difícil.

O que é que fazem quando têm folgas e férias?
Gustav: Não faço a mínima ideia porque há muito tempo que não temos férias! (Olham todos para o seu manager e o manager dá gargalhadas.)
Bill: Quando é possível, eu e o Tom vamos para uma ilha quase desabitada para termos uns dias de descanso, mesmo assim, é difícil livrar-nos dos paparazzi. Só nos podemos tentar habituar à sua existência.
Tom: Nós trabalhamos quase todo o ano em todo o lado e temos os voos. Por vezes quero ficar sempre em casa quando tenho uma folga.

Se não houvessem paparazzi e fãs loucos a rodear-vos, que tipo de atividades é que gostariam de fazer?
Bill: Se não houvessem paparazzi nem fãs loucos… Acho que quereria ter uma vida normal como todas as outras pessoas, ir a um parque de diversões ou algo assim, para desfrutar um pouco de vida normal.

Tom: Mesmo!

fonte X

POSTED BY: GRY KAULITZ

20.04 Milão, Itália

24.04 Barcelona, Espanha

26.04 Lyon, França

27.04 Paris, França

29.04 Londres, Inglaterra

01.05 Frankfurt, Alemanha

02.05 Stuttgart, Alemanha

04.05 Hamburgo, Alemanha

__________________________________________
(+) VEJA TODOS OS SHOWS DA TURNÊ
HOST BY FLAUNT NETWORK | DMCA | PRIVACY POLICY